Casa Fiat de Cultura apresenta uma síntese histórica de 100 anos da produção audiovisual no Brasil em edição dos Encontros com o Patrimônio dedicado ao cinema

Raquel Hallak é a convidada deste bate-papo, que destaca a importância do cinema na construção de identidade e memória e seu papel formativo

As histórias contadas nos filmes são como um retrato das sociedades e de suas tradições. É por isso que, diante da imensidão territorial e da diversidade da cultura, a produção audiovisual no Brasil é tão plural. No mês em que se celebra o Dia do Cinema Brasileiro, a Casa Fiat de Cultura realiza o Encontros com o Patrimônio “A Sétima Arte: passado, presente e futuro do Cinema no Brasil”. A convidada para esta edição é Raquel Hallak, diretora da Universo Produção e coordenadora geral da Mostra de Cinema de Tiradentes, do CineOP e do CineBH, que participa de um bate-papo virtual com a historiadora e educadora do Programa Educativo da Casa Fiat de Cultura, Ana Carolina Ministério. O evento será realizado em transmissão ao vivo no dia 20 de junho, das 11h às 12h30, com inscrição gratuita pela Sympla: http://bit.ly/SetimaArtenoBrasil

Durante o bate-papo, Ana Carolina Ministério apresentará a trajetória da sétima arte no país. “Faremos um passeio da década de 90 do século XIX à década de 90 do século XX, apresentando, inclusive, curiosidades do período conhecido como “pré-cinema”, como processos, técnicas e equipamentos de espetáculos visuais anteriores à linguagem cinematográfica como, hoje, a conhecemos”, explica. A historiadora abordará as primeiras exibições, os primeiros documentários e filmes de ficção, as produções nacionais da década de 1920, as Chanchadas comédias musicais que fizeram sucesso entre as décadas de 1930 e 1950 –, a criação dos estúdios cinematográficos Cinédia, Atlântida e Vera Cruz, o surgimento do Cinema Novo movimento de renovação do cinema no país –, até chegar à década de 1990, período de crises e do movimento que marcou a retomada do cinema brasileiro.

Após contextualização histórica, Raquel Hallak, responsável por três dos principais festivais de cinema do país, dará destaque à relação da sétima arte com o patrimônio e a educação. Para Raquel, cada vez mais, faz-se necessário usar o cinema como veículo de formação do indivíduo e promoção da diversidade da cultura brasileira: “O cinema e a educação são linguagens que se enriquecem mutuamente. Além de atuar e tornar o ensino mais interessante e lúdico, o audiovisual enriquece alunos e educadores com visões de mundo, muitas vezes, desconhecidas”. 

Além disso, Raquel Hallak não deixa de ressaltar a importância do audiovisual como suporte à memória do Brasil. “A preservação do imenso patrimônio audiovisual brasileiro é ação estratégica para o desenvolvimento e a identidade de nosso país. Sem as imagens, sem os registros, não existiremos. Portanto, é fundamental que todos os cidadãos tenham consciência da importância de atuar a favor de nosso patrimônio, para que futuras gerações possam conhecer a história de seu país, para que possamos nos conhecer e reconhecer na soma de todos os tempos – passado, presente e futuro”, completa. 

O Encontros com Patrimônio “A Sétima Arte: passado, presente e futuro do Cinema no Brasil” é realizado pela Casa Fiat de Cultura, com apoio do Ministério do Turismo, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, com Patrocínio da Fiat e do Banco Safra, copatrocínio da Expresso Nepomuceno, da Sada e do Banco Fidis. O evento tem apoio institucional do Circuito Liberdade, do Instituto Estadual do Patrimônio Histórico (Iepha) e do Governo de Minas e do Governo Federal, além do apoio cultural do Programa Amigos da Casa, da Brose do Brasil e da Brembo.

Raquel Hallak

Formada em Comunicação Social, especialista em Gestão de Planejamento e sócia-diretora da Universo Produção, Raquel Hallak é idealizadora e coordenadora geral do Cinema sem Fronteiras – programa internacional de audiovisual que reúne todos os empreendimentos de cinema que a Universo Produção promove no Brasil desde 1998, com destaque para a Mostra de Cinema de Tiradentes, a CineOP – Mostra de Cinema de Ouro Preto, a CineBH – Mostra Internacional de Cinema de Belo Horizonte e o Brasil CineMundi – Encontro Internacional de Coprodução – evento de mercado do cinema brasileiro realizado em edições anuais desde 2010. Também é idealizadora e coordenadora do programa Cine-Expressão, que oferece atividades que unem as linguagens da cultura e da educação, e da Turma do Pipoca, programa e personagens com atuação lúdica e informativa. Além disso, atua na elaboração, no desenvolvimento e na realização de ações e programas de vanguarda e inovação com foco na economia criativa e ênfase no segmento audiovisual.

Casa Fiat de Cultura

A Casa Fiat de Cultura cumpre importante papel na transformação do cenário cultural brasileiro, ao realizar as mais prestigiadas exposições. A programação estimula a reflexão e interação do público com várias linguagens e movimentos artísticos, desde a arte clássica até a arte digital e contemporânea. Por meio do Programa Educativo, a instituição articula ações para ampliar a acessibilidade às exposições, desenvolvendo réplicas de obras de arte em 3D, materiais em braile e atendimento em libras. 

Mais de 60 mostras de consagrados artistas brasileiros e internacionais já foram expostas na Casa Fiat de Cultura, entre os quais Caravaggio, Rodin, Chagall, Tarsila, Portinari entre outros. Há 15 anos, o espaço apresenta uma programação diversificada, com música, palestras, residência artística, além do Ateliê Aberto – espaço de experimentação artística – e de programas de visitas com abordagem voltada para a valorização do patrimônio cultural e artístico. 

A Casa Fiat de Cultura é situada no histórico edifício do Palácio dos Despachos e apresenta, em caráter permanente, o painel de Portinari, Civilização Mineira, de 1959. O espaço integra um dos mais expressivos corredores culturais do país, o Circuito Liberdade, em Belo Horizonte. Mais de 3 milhões de pessoas já visitaram suas exposições e 560 mil participaram de suas atividades educativas.

 

0
0
0
s2smodern
powered by social2s