Circuito Liberdade oferece programação gratuita nas férias de janeiro

Agenda cultural inclui atividades musicais, dança, jogos, oficinas, modelagem, visita guiada e muito mais.

Quem estiver em Belo Horizonte durante as férias escolares, em janeiro, poderá se divertir, e muito, com a programação que o Circuito Liberdade oferece para todos os públicos e idades. Com atrações gratuitas, crianças, jovens e adultos contam com uma agenda cultural extensa e gratuita. Em clima de descontração e brincadeira, diversas atividades foram preparadas pelos espaços que integram o Circuito Liberdade. Teatro, oficinas, exposições, visitas mediadas, festival de música, contações de histórias, musicais e ações dos educativos são algumas das atrações dos museus em janeiro. Toda a programação está disponível aqui. 

Em uma verdadeira experiência no mundo dos games, animando as férias de crianças e jovens, o Centro Cultural Banco do Brasil recebe, este mês, a Casa Gamer, um espaço especialmente montado para entreter e divertir. O espaço é equipado com jogos free play de futebol, dança e jogos vintage, além de uma arena de Counter Strike que abriga uma competição amadora que irá movimentar o local nos fins de semana. Para os adultos, a exposição gratuita Man Ray em Paris, em cartaz desde dezembro, e a peça Neblina, são atrações para janeiro. A mostra “Man Ray em Paris” apresenta mais de 250 trabalhos do artista, entre objetos, vídeos, fotografias e serigrafias desenvolvidas durante os anos que viveu em Paris, entre 1921 e 1940. Já o espetáculo “Neblina”, dirigido por Yara de Novaes e texto inédito de Sérgio Roveri, conta o drama de Diego e Sofia em uma noite fria, tratando de questões existenciais e formas de alcançar a superação dos mais diversos problemas. Confira a programação completa do CCBB BH em: bit.ly/CCBBBeloHorizonTe


Com diversidade, o Educativo do Memorial Minas Gerais Vale preparou várias ações e oficinas para pessoas de todas as idades. Oficinas de origami, modelagem em argila, atividades para bebês, bordados, fotografia e oficina de peteca. Sim, peteca! Nesta oficina, os participantes, além de aprenderem a jogar, irão fazer suas próprias petecas, entendendo a origem desse objeto presente em algumas culturas indígenas brasileiras. O Memorial Minas Gerais Vale também oferece oficinas para os pequeninos de 08 meses até 03 anos de idade, através das “Mineirices Musicais”, que são atividades lúdicas de interação com o universo sonoro das Minas Gerais. A programação completa do Memorial Minas Gerais Vale está em: bit.ly/MemorialMinasGeraisVale

Nestas férias de janeiro, a criançada vai poder aprender e se divertir com a programação especial do MM Gerdau – Museu das Minas e do Metal. Dinâmicas, oficinas e jogos educativos acontecem até 31 de janeiro. Na oficina de Holograma de Bolso será apresentada uma técnica de criação de holograma portátil para serem usados em tablets e/ou celulares. Os participantes terão a oportunidade de produzirem seus próprios moldes e reproduzirem seus hologramas. Na Caça ao Tesouro, com temas variados e diferentes níveis de complexidade, o visitante irá explorar os espaços expositivos do Museu. Charadas, mapas, dicas, tesouros e a chance de desvendar segredos da história e dos minerais. Acesse a programação completa do MM Gerdau – Museu das Minas e do Metal em: bit.ly/MMGerdauBH

A programação especial de férias da Casa Fiat de Cultura gira em torno da exposição “Percorsi Italiani” que apresenta a forma como se deram os fluxos de migração da Itália para a América Latina, em especial, para o Brasil e a Argentina. Durante o período de exposição, o Programa Educativo do equipamento realiza visitas mediadas. O público também poderá participar do “Ateliê de Férias: A Velha Befana” e confeccionar fantoches de palito e dedoches, inspirados pela Velha Befana – figura tradicional do folclore italiano, que distribui doces às crianças no início do ano, trazendo ventos de esperança e boas novas. Clique em bit.ly/CasaFiatdeCultura e confira a programação completa da Casa Fiat de Cultura.

Brincadeiras, oficinas, contações de histórias e exposições gratuitas agitam as férias no Espaço do Conhecimento UFMG. A novidade é a exposição temporária “Mundos Indígenas”, concebida por cinco curadores indígenas que mostram um pouco da vida, dos costumes e das crenças dos povos brasileiros Ye’kwna, Yanomami, Xakriabá, Pataxoop e Tikmũ’ũn. A astronomia também faz parte da programação este mês. Quem gosta de desbravar o universo pode aproveitar as sessões diárias no Planetário, onde o público viaja pelo espaço sideral sem tirar o pé do chão. A programação de férias termina com a contação de histórias “Representações femininas nos contos e nos mitos”, que revela como mulheres como Medusa, Lilith e Malévola nem sempre são o que parecem ser. Conheça a programação completa do Espaço do Conhecimento UFMG em bit.ly/EspacodoConhecimentoUFMG

Participando da 46ª Campanha de Popularização do Teatro e da Dança, o Centro Cultural Minas Tênis Clube apresenta diversos espetáculos em janeiro, dentre eles as peças “Banho de sol”, “Tá amarrado em nome do riso” e “A arte do humor de Saulo Laranjeira”. Este último conta a história de Saulo, que se apresenta com humor elegante e sensível de um exímio contador de causos, e com suas várias facetas descortina histórias e anedotas populares. A história se compõe também com interposições divertidas de seus marcantes personagens em uma forma original de interação com a plateia. O público infantil não fica de fora dessa. O clássico “Branca de Neve” conta sobre uma jovem princesa que sofre com a inveja da sua madrasta. A Bruxa Má, com uma maçã envenenada, faz com que Branca de Neve caia em sono profundo por toda a eternidade. Ou até ser encontrada por um belo príncipe e receber o beijo do verdadeiro amor. A programação completa do Centro Cultural Minas Tênis Clube está em bit.ly/CentroCulturalMinasTenis

O Educativo do Museu Mineiro também abre sua colônia de férias com a ideia de “jogos culturais”. As crianças e os pais poderão, durante o horário de funcionamento do museu, realizar diversas atividades, como Caça ao Tesouro, Jogo da Memória, Caderno de Colorir e a visita guiada “Deriva com as crianças”. Mais informações em bit.ly/MuseuMineiro

Com exposições e oficinas diversas e interativas na programação de férias, o Centro de Arte Popular apresenta neste mês atividades abertas a todos os públicos. A oficina “Estamparia em Tecido com Carimbo” irá estimular o participante a criar o seu próprio desenho tendo como inspiração as obras que compõem o acervo em exibição no museu. Na oficina “Criação de Oratório”, o artista Oceano Cavalcante irá ensinar como produzir um lindo oratório, utilizando materiais descartáveis, transformando-os em uma verdadeira obra de arte. Já a exposição “Folia das Cores e do Movimento”, do mineiro Willi de Carvalho, apresenta cerca de 25 obras, como miniaturas, esculturas e alegorias, que revelam cenas das cidades do interior do estado, suas festas, tradições, religiosidade e fé. Acesse bit.ly/CentrodArtePopular e saiba mais.

O Palácio da Liberdade oferece a visitação pública na programação de férias do museu, que ocorre aos sábados e domingos das 10h às 16h. A ação é uma iniciativa do Iepha-MG em parceria com a APPA. No dia 12/01, domingo, as visitações começam às 11h, em função da tradicional Troca da Guarda do Palácio da Liberdade.  Mais informações acesse o site: appa.art.br/palaciodaliberdade

 

0
0
0
s2smodern
powered by social2s