Mês das crianças no Circuito Liberdade reúne diversas atrações

Espaços culturais oferecem uma programação extensa e animada para todos os gostos.

No mês em comemoração ao Dia das Crianças, os equipamentos que integram o Circuito Liberdade, em Belo Horizonte, oferecem uma programação divertida para o público infantil. Entre oficinas, festivais, teatro, shows e muitas brincadeiras, pais e crianças podem aproveitar atividades gratuitas e interativas em outubro.


O MM Gerdau – Museu das Minas e do Metal oferece entre oficinas e atividades, o bate-papo “Vivência em Roda – A infância na música brasileira”, que revela como a infância é retratada na música brasileira, onde o movimento, os versinhos e o ritmo das brincadeiras podem ser identificados na obra de diversos compositores. Quem conduz esse momento com o público é a atriz e contadora de histórias, Daniela Libânio. O museu realiza também mais uma edição da programação especial “Se essa rua fosse nossa”. O projeto tem o objetivo de conectar pessoas às cidades, às ruas, aos espaços públicos e às diferentes culturas. A proposta é que todos possam se encontrar, se divertir e construir relações de solidariedade e respeito. Mais informações bit.ly/MMGerdau-BH 

Integrando o projeto “Eu, Criança, no Museu!”, o espetáculo “A Roda Viva” com os palhaços Popó e Cloro é um dos eventos que o Memorial Minas Gerais Vale oferece às crianças este mês. A Trupe Circo fará uma apresentação circense utilizando recursos do teatro de rua, malabarismos, equilibrismo, mágicas e muita palhaçada para entreter o público. Informações no site: bit.ly/MemorialVale

Com visitas mediadas e um festival temático, o Centro Cultural Banco do Brasil oferece ao público uma programação diversa. O museu sedia a primeira edição do Festival Canção Criança, com oficinas, instalações e apresentações musicais desenvolvidas para crianças que se encontram na primeira infância. O festival terá show inédito da violonista, cantora, percussionista e compositora brasileira, Badi Assad. O programa CCBB Educativo – Arte e Educação - propõe atividades que desenvolvem e estimulam experiências, criações, investigações e reflexões através de processos pedagógicos, artísticos, curatoriais e práticas culturais durante todo o mês de outubro. Saiba mais sobre a programação em: bit.ly/CCBBBH

O Centro Cultural Minas Tênis Clube embarca nas brincadeiras e apresentações teatrais para o público infantil. Com um roteiro assinado por Ana Luisa Alves e Cláudio Fraga, a peça musical “O tubarão-martelo e os habitantes do fundo do mar” conta a história de um navegador que parte para o oceano com o objetivo de achar um grande tesouro e, conforme vai se encontrando com personagens marinhos, ele se encanta com a riqueza e a beleza dos animais do fundo do mar. Ele percebe, então, que havia encontrado o maior de todos os tesouros, que não é ouro, nem prata e, sim, a beleza da vida. A criançada pode conferir também o espetáculo “A pequena sereia”, história de uma princesa do mar que é fascinada por seres humanos e, por um acaso, se apaixona pelo príncipe Éric, mas para realizar seu desejo de estar junto dele, faz um acordo com Úrsula, a bruxa das águas. A classificação dos eventos é livre.  Confira a programação completa em: bit.ly/CentroCulturalMinasTenisClube

Com o lançamento do livro “Bichos do Cerrado”, de Nilcemar Bejar, a Biblioteca Pública Estadual de Minas Gerais apresenta, no setor infantil, o fruto da paixão do autor pelas artes e natureza. A obra tem como objetivo levar até as crianças um universo pouco explorado pela literatura e desconhecido de muitas pessoas, que é o cerrado brasileiro. A Biblioteca apresenta a nova edição do “Meu Festivalzinho”, que este ano traz o tema "Nossos futuros", que utiliza a literatura juvenil como forma de questionar o mundo de amanhã, o futuro do planeta, a evolução do homem e seu lugar na terra. Para isso, três personalidades francesas da literatura infantil fazem parte do evento, entre elas a ilustradora Aurélia Fronty, a autora Pauline Alphen e Julien Devriendt, especialista em biblioteca digital.

Com ações interativas, o Espaço do Conhecimento UFMG apresenta a oficina “Animação com Massinha”, onde os participantes irão criar cenários e dar vida aos personagens de desenhos animados. A atividade é indicada para maiores de 6 anos de idade e também é aberta para adultos. Outra oficina oferecida pelo espaço é a de Histórias das Aldeiras, que contam as narrativas que embasam a vida de algumas comunidades, como a dos Guarani-Mbyá e os habitantes da região central do Brasil, Apinajé. Para mais informações, acesse: bit.ly/EspaçodoConhecimentoUFMG

Aproveite a chegada do mês das crianças e visite o Palácio da Liberdade.
A visitação pública ao Palácio da Liberdade, ocorre das 10h às 16h, aos sábados e domingos.
Essa é uma iniciativa do Iepha/MG em parceria com a APPA.
Para mais informações sobre o Palácio, acesse http://bit.ly/PalacioDaLiberdade

Toda a programação cultural do mês das crianças está no site www.circuitoliberdade.mg.gov.br

0
0
0
s2smodern
powered by social2s