Confira o que abre e o que fecha no Circuito Liberdade no feriado de 1º de maio

Com horários especiais, os espaços oferecem uma programação com teatro, mostras, dentre outros

Os espaços do Circuito Liberdade estarão com funcionamento diferente durante o feriado do Dia do Trabalho, em 1º de maio, próxima terça-feira. Confira o que abre e o que fecha durante os quatro dias e veja nossa programação no site, que conta com exposições, teatro e outras atrações.

O feriado de 1º de maio terá programação exclusiva no Espaço do Conhecimento UFMG. Na terça-feira, o museu terá uma programação especial com sessões de Planetário, oficina sobre Astronomia e “contação de histórias”. No Planetário, sessões das 13h às 16h levam os visitantes a uma viagem pelo Universo. As exibições abordam aspectos do nosso planeta, do Sistema Solar e das estrelas. Há sessões para todas as idades, e os ingressos custam R$ 6 (inteira) e R$ 3 (meia).

No andar dedicado à Astronomia, o Espaço propõe um passeio pelo Sistema Solar no Teatro dos Planetas. Com o próprio corpo, o público simulará movimentos e posições desses corpos celestes enquanto descobre curiosidades, como a velocidade em que os planetas giram em torno do nosso astro, por exemplo. A oficina começa às 11h e tem classificação indicativa de seis anos.

Mais tarde, às 15h, a “Contação de Histórias nas Cosmogonias” fecha a programação especial do feriado. Na atividade, o público é apresentado às narrativas da criação do cosmos à luz das interpretações das tradições Yorubá, Maia, Maxacali, Judaico-Cristã e Grega, que integram a exposição de longa duração do Espaço, denominada “Demasiado Humano”. A classificação é livre. As duas atividades têm entrada gratuita, basta retirar uma senha na recepção. No Dia do Trabalho, o Espaço do Conhecimento UFMG funciona normalmente, das 10h às 17h.

O Museu Mineiro apresenta a exposição “Catas Altas do Matto Dentro – Minas Geraes", da artista mineira Fátima Pinto Coelho. A expografia está estruturada de forma a permitir ao público o avanço e recuo no tempo de exploração mineral, por meio de narrativas memorialísticas das catas altas – as cachoeiras de lá -, traduzidas em uma conjugação de textos e imagens.

Ainda no Museu Mineiro, o público pode conferir a mostra “Aquarelas e Bicos de Pena” de Fátima Pena, que celebram os 120 anos de Belo Horizonte. São vitrines com aproximadamente 160 aquarelas originais, em formatos que variam de 4 x 4 cm a 18 x 24 cm e impressões digitais fine art em grandes formatos. A curadoria e o design expográfico são de Guilherme Horta.

Na Casa Fiat de Cultura, últimos dias para visitar a exposição “Construções Afetivas”, em cartaz até o dia 6 de maio. Aproveite o feriado para conferir os trabalhos dos irmãos Nello Nuno e Eliana Rangel, dois grandes nomes da arte visual brasileira. Com obras que marcam várias fases da produção de cada um, a mostra oferece ao público a oportunidade de explorar os caminhos das invenções e das escolhas estéticas e técnicas dos dois artistas. A exposição, que envolveu mais de 30 colecionadores, tem curadoria dos artistas plásticos Márcio Sampaio e Nello Rangel.

Durante o final de semana, o MM Gerdau – Museu das Minas e do Metal exibe a exposição “O uso do aço com nióbio na indústria automobilística”, que também está chegando ao fim. A mostra celebra o Dia Nacional do Aço, apresentando diferentes tipos deste material usado na estrutura de um carro, com suas respectivas resistências.

No Centro Cultural Banco do Brasil – CCBB BH está em cartaz o espetáculo “Preto”, que traz no elenco Renata Sorrah e a mineira Grace Passô. A peça da Cia. Brasileira de Teatro, com direção do consagrado Márcio Abreu, promove uma investigação sobre o que gera a recusa das diferenças em nossas sociedades, e principalmente sobre as possibilidades de coexistência e campos de interação entre as diferenças. O espetáculo olha para o racismo na vivência brasileira e em perspectiva com o mundo, reagindo artisticamente através de múltiplas visões e sentidos. Às 20 horas.

Além disso, o CCBB também traz a exposição “100 Anos de Athos Bulcão”, que celebra o centenário do artista, conhecido pela diversidade de sua obra e inegável importância histórica e cultural. São mais de 330 obras, incluindo trabalhos inéditos e peças de artistas contemporâneos influenciados por este grande mestre.

Confira abaixo os horários de funcionamentos dos espaços deste sábado até o feriado de 1º de maio:

Biblioteca Pública Estadual de Minas Gerais: Aberto no sábado até 12h. Fecha no domingo, segunda-feira e terça-feira. Reabre na quarta-feira, das 8h às 18h.

Centro de Informação ao Visitante (prédio Rainha da Sucata): Aberto no sábado e no  domingo. Fechado na segunda-feira e na terça-feira. Reabre na quarta-feira, das 9h às 18h.

Hub Minas Digital (prédio Rainha da Sucata): Aberto no sábado, das 9h às 18h. Fecha no domingo, na segunda-feira e na terça-feira. Reabre na quarta-feira das 9h às 21h.

Espaço do Conhecimento UFMG: Aberto no sábado e no domingo. Fechado na segunda-feira. Reabre na terça-feira, das 10h às 17h.

MM Gerdau - Museu das Minas e do Metal: Aberto no sábado e no domingo. Fechado na segunda e na terça-feira. Reabre na quarta-feira, a partir das 12h às 18h.

Memorial Minas Gerais Vale: Aberto no sábado e no domingo. Fechado na segunda-feira. Reabre na terça-feira, das 10h às 17h30.

Centro de Arte Popular - Cemig: Aberto no sábado e no domingo. Fechado na segunda-feira. Reabre na terça-feira, das 12h às 19h.

BDMG Cultural: Aberto todos os dias do feriado, das 10h às 18h.

Academia Mineira de Letras: Fechado de sábado até terça-feira.  Reabre na quarta-feira, das 14h às 19h.

Museu Mineiro: Aberto no sábado e no domingo. Fechado na segunda-feira. Reabre na terça-feira, das 12h às 19h.

Arquivo Público Mineiro: Fechado durante todos os dias do feriado. Reabre na quarta-feira, das 9h às 19h.

Centro Cultural Banco do Brasil - CCBB BH: Aberto de sábado até segunda-feira, das 9h às 21h. Fechado na terça-feira. Reabre na quarta-feira, das 9h às 21h.

 Horizonte Sebrae – Casa da Economia Criativa: Fechado durante todos os dias do feriado. Reabre na quarta-feira, das 9h às 18h.

Cefart Liberdade: Fechado durante todos os dias do feriado. Reabre na quarta-feira, das 9h às 21h.

Casa Fiat de Cultura: Aberto no sábado e no domingo. Fechado na segunda-feira. Reabre na terça-feira, das 10h às 21h

 Outras informações: 98210-3132

 

 

0
0
0
s2smodern
powered by social2s